Dilson Lages Monteiro Sexta-feira, 17 de agosto de 2018
Crônica de sempre
Rogel Samuel (atualização diária)
Tamanho da letra A +A

A MORTE DO MUNDO

 

 
Rogel Samuel
 
Nasceu em Montigny- Le-Roy, França, em 26 de fevereiro de 1842. Faleceu em Juvissy, também na França, no 4 de junho de 1925.
 
Cammile Flammarion escritor de talento, astrônomo, pertenceu ao Observatório de Paris, de onde se retirou em 1862, ao publicar "A pluralidade dos mundos habitados”, texto de  argumentação dentro dos conhecimentos da época. Premiado pela Academia Francesa com o prêmio Montyon, em 1880, o seu livro "Astronomia Popular".
 
Seu prestígio como escritor junto à crítica universitária prejudicado porque era espírita, crítica sempre muito preconceituosa a vários respeitos.
 
Ele esteve, desde o início da doutrina espírita, perto de Allan Kardec, de quem foi amigo íntimo até a morte. Discursou junto ao túmulo de Kardec, no Cemitério de Montmartre, falando do «pensamento científico e filosófico» do espiritismo.
 
Seu tema principal a tese da vida em outros planetas além do nosso.
 
Escreveu muito: "Os Mundos Imaginários e os Mundos Reais", "As Maravilhas Celestes", "Deus na Natureza", "Contemplações Científicas", "Estudos e Leitura sobre Astronomia", "Atmosfera", "Astronomia Popular", "Descrição Geral do Céu", "O Mundo antes da Criação do Homem", "Os Cometas", "As Casas Mal- Assombradas", "Narrações do Infinito", "Sonhos Estelares", "Urânia", "Estela", "O Desconhecido", "A Morte e seus Mistérios", "Problemas Psíquicos" etc.
 
Um livro de Flammarion sempre me interessou: "O Fim do Mundo" (Rio de Janeiro, Federação espírita brasileira, 2001, http://www.febrasil.org.br/). No Brasil vendeu perto de 48 mil exemplares.
 
Li quando criança, na casa de meu pai.
 
Li mal, em francês. Mas li com sofreguidão.
 
Anos depois reli numa edição comprada num sebo.
 
Agora reli com o mesmo entusiasmo, depois de ver um desses filmes catastrofistas como «Deep impact» (Impacto profundo) dirigido por Mimi Leder, com Robert Duvall e Vanessa Redgrave de 1998. E «Armageddon», também de 1998, dirigido por Michael Bay.
 
«Deep impact» é um filme nitidamente inspirado no livro de Cammile Flammarion: um cometa se choca com a Terra.
 
A influência de Flammarion nesses filmes é imensa, seu livro foi publicado em 1893.
 
Ele previu a União européia, o voto feminino, os grandes aviões comerciais etc.
 
Diz que as mulheres ocuparão papel decisivo na política de desmilitarização do mundo e no fim das guerras.
 
No seu livro aparece algo que seria um computador moderno.
 
Mas prevê um desastre: a destruição da natureza, a degradação do meio-ambiente, a diminuição da água potável, a degeneração das condições de vida no planeta.
 
Atualíssimo.

Compartilhar em redes sociais

Comentários (0)

Deixe o seu comentário


Reload Image








Últimas matérias da coluna

10.08.2018 - EM BUSCA DA POÉTICA DE J. G. DE ARAÚJO JORGE

10.08.2018 - EM BUSCA DA POÉTICA DE J. G. DE ARAÚJO JORGE

04.08.2018 - violência nas escolas

01.08.2018 - MEU PROFESSOR DE HISTÓRIA

31.07.2018 - Mario Benedetti

20.07.2018 - As vagas da elegia de Camões

13.07.2018 - O Rio de Janeiro no inverno

11.07.2018 - UM ILUSTRE PIAUIENSE

01.07.2018 - A PERDA DE NEIDE GONDIM

17.06.2018 - Por que estamos tão tristes?

15.06.2018 - A LEMBRANÇA DE VALQUÍRIA

12.06.2018 - O AMOR

02.06.2018 - O Shakespeare de Giovanni Emanuel no Teatro Amazonas, em 1889

24.05.2018 - O poema profético

22.05.2018 - O grande tesouro

Ver mais
Livraria online Dicionário de Escritores Exercícios de criação literária
Entretextos Acadêmico
Rádio Entretextos
Livros online Aúdios

Imagens da Cidade Verde: entrevista com o escritor Ribamar Garcia


Os anos da juventude, entrevista com Venceslau dos Santos


Listar todos
Últimas matérias

13.08.2018 - BUCHADA DE BODE NA FAZENDA DO ROCIO

Em seguida, disse que ele mesmo iria mandar preparar uma buchada, a ser feita com bode de seu próprio rebanho. Marcamos a data e o local do repasto.

12.08.2018 - PASSANDO PELO CENTRO DO RIO DE JANEIRO

Não cfoi hoje nem ontem

12.08.2018 - Julião Afonso Serra, um dos quatro grandes sesmeiros do Piauí.

O acadêmico Reginaldo Miranda traça o perfil biográfico de um dos conquistadores e maiores sesmeiros do Piauí

10.08.2018 - EM BUSCA DA POÉTICA DE J. G. DE ARAÚJO JORGE

EM BUSCA DA POÉTICA DE J. G. DE ARAÚJO JORGE

10.08.2018 - EM BUSCA DA POÉTICA DE J. G. DE ARAÚJO JORGE

EM BUSCA DA POÉTICA DE J. G. DE ARAÚJO JORGE

05.08.2018 - HOW GOES THE ENEMY?

o ePIFÂNICO

04.08.2018 - Cidadela saqueada

Fato é que o crime organizado está levando a melhor. Até quando?

04.08.2018 - violência nas escolas

Nunca mais ninguém o perturbou

02.08.2018 - Dois momentos felizes de uma bela tarde

O ponto alto da solenidade será o lançamento do livro “Câmara Municipal de Campo Maior: 256 Anos de História”, da autoria do professor e historiador Celson Chaves

01.08.2018 - Aborto: crime não pode deixar de ser crime

Não podemos calar diante da barbaridade.

01.08.2018 - MEU PROFESSOR DE HISTÓRIA

MEU PROFESSOR DE HISTÓRIA – ROGEL SAMUEL

31.07.2018 - Mario Benedetti

Mario Benedetti

27.07.2018 - Os males do Crivella: um prefeito que não deu certo

Eis um prefeito

26.07.2018 - Gênese de Emoção no Circo

Gigliola Cinquetti e o ingênuo “Dio, come ti amo” fizeram muitas adolescentes verterem profusas e sentidas lágrimas, com direito a profundos soluços e palpitações.

25.07.2018 - Eurídice

049

ENTRETEXTOS - DÍLSON LAGES MONTEIRO
Baloon Center, Av. Pedro Almeida nº 60, Sala 21 (primeiro piso) - São Cristóvão - Teresina - Piauí - CEP: 64052-280 Fone (86) 3233 9444
e-mail: dilsonlages[@]uol.com.br